Mitos e verdades do café na gravidez

A gestação é um momento único na vida de muitas pessoas, sejam homens ou mulheres. Além disso, todo o cuidado é importante para que a mãe e o bebê conservem boa saúde. No entanto, existem alguns mistérios que rondam o consumo de café na gravidez. Será que é possível consumi-lo nesse momento tão delicado?

Quando a mulher está grávida, ela precisa de ainda mais atenção, e todo o aparato médico necessário. Por isso, antes de tudo, o profissional da saúde deve ser consultado para tirar todas as dúvidas, afinal, ele é capacitado para dar as orientações devidas e mais específicas, conforme o caso.

No entanto, sempre fica o questionamento se beber aquele cafezinho é prejudicial ou não para a gestante. Por isso, o texto a seguir resolve suas dúvidas sobre o assunto.

Conheça agora os mitos e verdade sobre o café na gravidez

Você já ouviu falar que não se pode tomar café na gravidez? Pois então, saiba que isso é mito. Porém, existem ressalvas a serem feitas.

Não é recomendável tomar muitas xícaras de café por dia, e na verdade essa é uma orientação que toda pessoa deveria seguir. Porque a bebida contém cafeína, um psicoativo que em altas doses pode prejudicar o organismo e o bebê. Além disso, diferentes instituições de saúde e pesquisa têm afirmações divergentes quanto à quantidade do consumo da bebida, ou se deve ou não consumi-la.

Com isso, segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), não se deve ultrapassar os 300 mg diários, pois caso contrário, pode ocasionar aborto, nascimento prematuro e restrição de crescimento fetal. Já o Colégio Americano de Obstetras e Ginecologistas também disse, no ano de 2010, que o consumo da bebida não deve ultrapassar 200 mg por dia, para não ocasionar em aborto ou parto prematuro.

Vale lembrar que a cafeína também está presente em outros alimentos e bebidas, como alguns chás, chocolates e refrigerantes. Assim, o cuidado também deve ser acrescentado a esses outros produtos.

As gestantes também podem optar pelos cafés do tipo 100% arábico, pois contém um menor teor de cafeína de modo significativo. Dessa forma, elas conseguem apreciar um café de qualidade e que não interfere na saúde delas e do bebê.

O que realmente fazer em relação ao café na gravidez?

Sabe-se que o cafezinho é algo maravilhoso e saboroso, que vai bem em diferentes momentos, seja de dia ou de noite. Afinal, ele é uma companhia perfeita para diversas atividades, e para estar com quem se ama. Mas, e quanto ao café na gravidez, o que fazer?

Você viu no texto que existem diferentes opiniões quanto à bebida na gestação. Então, antes da mulher grávida fazer uma pausa temporária na bebida, ela deve procurar um médico obstetra para lhe dar as orientações certas de acordo com seu caso. 

E lembre-se que, se for consumir um cafezinho, prefira os produtos do Café Fazenda Aliança, que contêm alta qualidade e são extremamente deliciosos. Vale a pena consumir um café de excelência para os melhores momentos da vida humana.