Café corta o efeito do remédio?

Você sabia que é preciso ter cuidado com o que come ou bebe quando ingere alguns medicamentos? Embora boa parte deles não tenha restrições, há alguns princípios ativos que não podem ser ingeridos com café, leite, entre outros alimentos. 

Dentre os fármacos que têm essas restrições há alguns que são muito usados como, por exemplo, a tetraciclina, que não pode ser ingerida com leite. Mas, por que essas restrições existem? Quando o café pode prejudicar a ação do medicamento? Siga a sua leitura e descubra! 

Por que alguns remédios não podem ser ingeridos com qualquer alimento?

Se você já tomou tetraciclina alguma vez na vida, provavelmente o seu médico avisou para que não a ingerisse com leite ou derivados do leite. Isso acontece porque o cálcio existente no alimento pode diminuir a ação do antibiótico.

O mesmo vale para outros cuidados em relação à alimentação e a ingestão de fármacos. Dependendo do que a pessoa comer ou beber, pode prejudicar a ação ou intensificar a ação do medicamento.

Quando o café se torna um problema com a ingestão de remédios?

Geralmente, o problema de alimentos que contém cafeína, como o café, é quando ingeridos junto aos broncodilatadores. Segundo o FDA (que regulamenta medicamentos nos Estados Unidos), quando um produto contém o princípio ativo teofilina, ele não deve ser ingerido por nenhum alimento que tenha cafeína. 

A teofilina é uma medicação relativamente comum e indicada, frequentemente, para quadros de: 

  • asma;
  • bronquite;
  • doença pulmonar obstrutiva crônica

De acordo com o órgão, a cafeína eleva a toxicidade da medicação. Dessa forma, pode intensificar efeitos indesejados como, por exemplo, taquicardia e agitação.

Algo semelhante pode acontecer quando a cafeína for ingerida com o ciprofloxacino. A pessoa poderá apresentar dor de cabeça, insônia e náusea.

Assim, com essas medicações é preciso evitar a ingestão de alimentos como, por exemplo:

  • Chás preto e verde;
  • Refrigerantes;
  • Bebidas energéticas;
  • Chocolate;
  • Café.

Outras interações entre medicamentos e alimentos que devem ser evitadas

 

  • Varfarina
É indicado não comer, em excesso, alface, cenoura, espinafre e brócolis, que são alimentos que têm bastante vitamina K (fator que influencia na coagulação sanguínea).
  • Imipramina
  • Nortriptilina
  • Amitriptilina
  • Clomipramina
Evitar a ingestão em conjunto com alimentos que têm muita fibra como mamão, figo, cereais e kiwi.
  • Paracetamol
Evitar a ingestão em conjunto com alimentos que têm muita fibra como mamão, figo, cereais e kiwi.
  • Ciprofloxacino
  • Ofloxacino
  • Tetraciclina
  • Norfloxacino
Evitar alimentos como leite, carnes ou castanhas, que contém cálcio, ferro ou magnésio.
  • Digoxina
Evitar a ingestão em conjunto com alimentos que têm muita fibra como mamão, figo, cereais e kiwi.
Antidepressivos (diversos) Evitar a ingestão de bebidas alcoólicas, pois pode provocar insônia, agitação, insuficiência respiratória, arritmia cardíaca.
Calmantes  Evitar a ingestão de bebidas alcoólicas, pois pode provocar insônia, agitação, insuficiência respiratória, arritmia cardíaca.
Anticonvulsivantes  Evitar a ingestão de bebidas alcoólicas, pois pode provocar insônia, agitação, insuficiência respiratória, arritmia cardíaca.

Viu quantos detalhes existem em relação aos diferentes tipos de medicamentos? Na dúvida sempre converse com o seu médico, para ele poder orientar a melhor maneira de ingerir a medicação e obter o resultado esperado. 

Também se lembre de que o café age no sistema nervoso. Veja como isso acontece